Somos...

Somos...
Rebele-se Contra o Racismo!

sábado, 21 de abril de 2012

CARTA AO POVO DE SANTO...

PREZADOS ADEPTOS, SIMPATIZANTES E INICIADOS EM RELIGIÃO DE AFRO BRASILEIRA OU CANDOMBLÉ.

Nós povo de santo, seguidores de religião de matriz africana, cultuamos por continuidade de nossos ancestrais , o culto a força da natureza e seus elementos( terra, agua, fogo e ar),aos pontos cardinais ( norte, sul, leste, oeste), aos três reinos (animal, vegetal e mineral), adoramos, reverenciamos e por isso presenteamos a natureza ( rios, mares, matas, etc...), com muita fé e respeito.
Nosso culto está em território brasileiro a mais de duzentos anos. No decorrer desse período, ocorreram modificações, adaptações, modismos, enfim tudo decorrente do processo de oralidade, pelo qual passamos já que, oralidade é a base de nossa religião.
Por nosso culto ser de origem africana, todas nossa divindades, ( orixás, voduns, inkices, etc...), são negros e todos compartilham do nosso culto a natureza, não somos conhecedores, nem adoradores de satanás, diabo, capeta, Lúcifer ou qualquer outro tipo de denominação desse tipo de seguimento( satanismo), denominado pelas igrejas católicas e protestantes.

Nossos Exús, Pambugila, Lebara, são guardiões do Orún ( espaço celestial, local onde mora as divindades) e Aiye(terra moradia de nós humanos), mensageiros dos orixás, assim sendo não somos satanistas, filhos do diabo, ou qualquer outra associação negativa ao anticristo, pois não temos vinculo com esse tipo de culto, e ainda, dentro da religião de matriz africana não comungamos essa fé.
Na Umbanda, religião afro-brasileira, com mais de cem anos em território brasileiro, oriunda do sincretismo das divindades africanas com os santos católicos, para aceitação do branco, e manutenção do culto, sem as penas impostas no período, inquisição, torturas, perseguições, etc...., existe Exú e Pomba-Gira, que são espíritos aborígenes, oriundo de varias partes do Brasil, que tiveram seu trajeto de vida conturbados, (assassinados, bandidos, ladrões, malfeitores, estupradores, etc...), são espíritos atrasados, que precisam de incorporar, realizar caridades, benfeitorias, para evoluírem e conseguirem a luz necessária para sua evolução espiritual, são eles ( Maria Padilha, Tranca Rua, Malandrinho, etc...), pois no seu período terreno, não fizeram por onde, através de ações, para descansar o sono dos justos com paz e dignidade, precisando então retornar a esse plano (incorporar), para resgatar valores através de caridades.
Por exemplo. Temos um indivíduo que matou, roubou, estuprou, usou drogas, viciou menores, etc..., vai para a igreja evangélica aceita Jesus, pronto; está liberto, acabou, está salvo. Esse é o nosso Exú, que vem incorporar na tentativa de se salvar, ganhar luz., ele só quer que tenhamos fé e confiança nele, como no indivíduo convertido. Caso ele faça o mau, é só rezar, conversar, orientar, pedir a Deus (Oxalá, Oludumare), que o guie, o oriente, e tenha misericórdia para que ele continue na linha do bem, prestando caridade. Quando acontece com o cristãs eles apenas desviaram, sairam da Graça, estão no pecado , mas ele tem que vigiar , foi obra do inimigo. Retorna a igreja dá o testemunho, e ele volta para a graça e fica tudo bem.
Ainda na umbanda, temos nossos pretos velhos, que são os escravos negros sábios, cheios de conhecimentos de: fitoterapia ( folhas), rezas, mandingas ,(simpatias), que morreram aqui no Brasili, por doenças, maus tratos, saudade da pátria mãe, torturas, assassinatos, e que incorporam para fazer caridades cumprir seu ciclo de vida interrompido pelo homem branco, realizando curas de doenças que a medicina desconhecem: espinhela caída, mãe do corpo, ventre virado, entre outras.
Temos os nossos caboclos, os índios, os verdadeiros donos da terra, os que aqui já existiam no período do descobrimento do Brasil e os nossos ciganos, nossos nômades que por aqui passaram ou até mesmo viveram lendo a sorte das pessoas através das mãos, bola de cristal, baralhos, tendo visagem etc..., prevendo o futuro e revelando mistérios.
Na igreja evangélica, temos o mesmo processo de transe, gritos, mudanças de comportamento, comportamento frenéticos, revelações, falações em línguas, enfim um estado de transe, no qual é denominado, revelação ou a presença é do espirito santo de deus.
Como observamos os evangélicos são tão espiritas quanto nós, eles rezam todos os dias , eles jejuam, eles fazem seus preceitos, e revelações, eles falam em línguas, e eles também se incorporam não com os nomes de nossas divindades, pois não são de matriz, nem umbandista e sim com o nome de espirito santo.
Pedimos a nossos zeladores, iniciados, adeptos e a todos pertencentes a nossa religião que desmistifiquem essa falácia de que é filho do diabo, do satanás, etc..., como alguns zeladores andam se posicionando, denegrindo dessa forma vil e cruel, nossa religião e desconstruindo de forma vilã e negativa a construção que se vem fazendo num determinado e longo tempo, pois essa não é nossa pratica, nosso culto, é aos nossos ancestrais divinizados e as nossas divindades ligadas a força natureza.
Irmãos a hora é de reflexão e sabedoria, os evangélicos dia a dia estão se fortalecendo para nos destruir ou descontruir o que construímos no decorrer dos muitos anos, seja através de invasões aos nossos terreiros, agressões físicas, verbais ou usando nossos símbolos de forma ilícita,( o acarajé de Deus, etc...) , para de alguma forma se apoderar da herança deixadas por nossos antepassados. Temos até pastores se dizendo filho do Deus do fogo.
As casas de matriz africana ou candomblé, sempre foram o grande berço de resistência do negro, dos homossexuais, das lésbicas e dos menos desfavorecidos, pois tanto a igreja católica como a evangélica considerava-os , filhos do diabo, diziam que os homossexuais e lésbicas eram, aberrações, ante cristo o próprio demônio .Atualmente num processo de desconstrução dos espiritismo , os evangélicos criaram uma igreja só para homossexuais e lésbicas, que se desvincularam das casas de matriz por diversas questões , e se tornam evangélicos , e que podem dar continuidade a sua homossexualidade, namorar e casar com pessoas do mesmo sexo. Nessas igreja as pessoas que tem atração pelo mesmo sexo, pode ter uma vida em comum, estão salvo e entraram no reino dos céus.
Paulo discípulo de jesus, já revelava sua homossexualidade, quando dizia ao sr. Que sentia o desejo do espinho na carne. O homossexualismo e a prostituição, saõ as práticas mais antigas do mundo.
Quem nunca errou , atire a primeira pedra.
Meu Mojubá.
Fiquem na paz do caçador
Por:Cacau dos Oxosse - diretor estadual de UNEGRO/RJ e pós graduado em historia da África

Nenhum comentário:

Postar um comentário